Gestão de Riscos refere-se ao processo para administrar, identificar, avaliar,  e controlar potenciais eventos ou situações, e assim fornecer razoável certeza quanto ao alcance dos objetivos estratégicos da organização. 

Com a edição da Instrução Normativa nº 01 de 10 de maio de 2016 (Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão em conjunto com a Controladoria Geral da União), o Poder Executivo Federal passou a ter a necessidade de adotar medidas com vistas a gerenciar controles internos, gestão de riscos e governança em suas diversas instituições públicas. Com isso, a UFCSPA necessita implantar a gestão de riscos em sua estrutura, processos e cultura.

A gestão de riscos consiste numa nova forma de realizar os processos existentes. Risco é algum evento que pode ocorrer e prejudicar o alcance dos objetivos que a UFCSPA se propõe a atingir. Gerir esses riscos significa então identificá-los, avaliá-los e escolher o melhor tratamento (controle interno) para reduzi-los, assim a universidade aumentará sua capacidade interna em alcançar seus objetivos e entregar seus serviços à sociedade (governança).

Diante disso, foi aprovada pelo CONSUN a Resolução nº 039/2017  a Política de Gestão de Riscos da UFCSPA. A política define conceitos, responsabilidades e diretrizes gerais. Em decorrência disso, foi instituído o Comitê de Governança, Riscos e Controles, formado pela alta gestão, e a Comissão de Gestão de Riscos para disseminar a cultura do gerenciamento de riscos na Universidade.

 

Guia para a Gestão de Riscos

Com o objetivo de apresentar um referencial para a implementação dos procedimentos de Gestão de Riscos  foi elaborado o Guia para Gestão de Riscos na UFCSPA, numa parceria estabelecida pela Pró-reitoria de Planejamento entre a Coordenação de Desenvolvimento Institucional - CDI, a Auditoria Interna - AUDIN e o Núcleo de Qualidade Interna - NQI. 

O documento contempla conhecimentos teóricos, fundamentos normativos, aspectos metodológicos e sugestões de ferramentas práticas, a fim de nortear os gestores das áreas acadêmicas e administrativas nas tarefas inerentes à identificação, avaliação e ao tratamento adequado dos riscos que podem impactar os objetivos nos níveis estratégico, tático e operacional da gestão.

Acesse aqui o Guia