Quem é Jessié Gutierres, o Guti? São vários? Não! Guti é um só, com a multiplicidade de um ser humano curioso e sensível.  O Guti professor, educador físico, pesquisador de neurociência, bioquímico, convive com o Guti ceramista ou, em suas palavras, o entusiasta da arte.

 A segunda edição de Olhares Múltiplos, que ocorre no próximo dia 30 de agosto, às 19h, com a mediação do educador Leonardo Rocha de Almeida, irá revelar os vários personagens que habitam em Guti.  O bate-papo será às 19h, no canal do Núcleo Cultural da UFCSPA no YouTube.

Jessié Gutierres dedica-se, há mais de 10 anos, ao estudo do comportamento e da memória relacionados à doença de Alzheimer. É pós-doutorando no grupo de pesquisa Neurobio da UFCSPA, doutor em Bioquímica (UFSM) e Educação em Ciências (UFRGS, mestre em  Ciências Biológicas e licenciado em Educação Física pela UFSM. A paixão pela cerâmica, também é antiga, acompanha Guti desde a infância. Natural de Santa Maria, com a vinda para Porto Alegre começou a fazer cursos no Atelier Livre Xico Stockinger e adentrou no universo da arte. Primeiramente, foram as aulas de xilogravura e cerâmica e depois integrou o grupo de estudos cerâmicos do professor e artista visual Gilberto Menegaz. “O que era pra ser um hobby acabou por se transformar em um mergulho profundo no mundo da cerâmica”, revela. As suas peças tem como inspiração o onírico e referências da arte pré-colombiana e de civilizações já extintas. 

Olhares Múltiplos foi uma das propostas culturais inscritas no Núcleo Cultural da UFCSPA, dentro do projeto Conexão Cultura: um espaço de manifestação cultural em rede. O proponente, Leonardo Rocha de Almeida, é doutor em Educação e estudante do curso de Fonoaudiologia da UFCSPA. Agende-se para não perder a próxima edição.