Decisão dos conselhos superiores foi oficializada em sessão conjunta nesta quinta-feira, 2

 
O Conselho Universitário (Consun) e o Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) decidiram em sessão conjunta nesta quinta-feira, 2, aprovar a retomada das aulas no formato de Educação à Distância (EaD) e os estágios práticos na data de 3 de agosto. A deliberação foi tomada após a apresentação de um compilado das contribuições trazidas pelos grupos de trabalho responsáveis por estudar e levantar soluções para o retorno às atividades de ensino. A volta dos estágios levará em consideração a liberação das autoridades sanitárias e o atendimento aos protocolos de biossegurança dos locais de prática.
 
Antes da votação, a reitora Lucia Pellanda apresentou o histórico das ações tomadas pela universidade desde a suspensão das atividades em março e pontuou a necessidade de adaptação do planejamento frente à evolução da pandemia de Covid-19 em Porto Alegre e região metropolitana. "No início da pandemia, considerando o cenário de outros países, a previsão era que o distanciamento social precisaria durar cerca de 90 dias, com a possibilidade de retomada gradual das atividades. Não há nenhum sinal de desaceleração neste momento e a situação no estado começou a ficar preocupante nas últimas semanas", salientou. Assim, pontuou a reitora, surgiu a necessidade da discussão em nível institucional de alternativas para o retorno das atividades.
 
Os conselheiros puderam avaliar as contribuições trazidas pelos grupos de trabalho, que compartilharam uma série de princípios. Entre os pontos levantados, estão a realização de aulas assíncronas e a gravação de aulas síncronas, de forma a facilitar o acompanhamento das atividades no horário mais conveniente aos alunos, a flexibilidade para o cancelamento e remanejamento de matrículas e a inserção de conteúdos teóricos e escritos no Moodle. Reforçando que a adoção da EaD tem caráter emergencial em virtude da pandemia, Lucia ressaltou que a medida não representa mudança na essência dos cursos da UFCSPA: "Os cursos da área da saúde não podem ser realizados integralmente neste formato. As atividades práticas serão distribuídas após a volta presencial".
 
Com a decisão, ficou estabelecido que o período 2020/1 será realizado de 3 de agosto a 7 de novembro e o período 2020/2 ocorrerá de 23 de novembro a 27 de março de 2021. A partir de agora, está previsto durante o mês de julho o trabalho conjunto da Pró-Reitoria de Graduação, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação e Fórum de Coordenações, com o acompanhamento da Coordenação de Assuntos Estudantis, visando a acertar os detalhes do retorno em EaD de cada curso de graduação e pós-graduação.
 
Estudante de graduação: Ainda não respondeu à pesquisa para diagnóstico das condições dos alunos para o retorno às aulas na modalidade à distância? Acesse neste link.