Considerando que a população idosa representa um dos grupos mais suscetíveis à COVID-19, frequentemente desenvolvendo as formas mais severas e graves da doença, além da possibilidade dessa população apresentar comorbidades (diabetes, doenças cardiovasculares, doenças pulmonares, etc.) que também estão relacionadas ao agravamento desta, é recomendado que visitas a parentes nas casas geriátricas sejam restritas. Além disso, o uso de máscaras e as medidas de distanciamento e de higienização de mãos são atitudes imprescindíveis para a proteção da população idosa. A Prefeitura de Porto Alegre vem monitorando as condições de saúde de pessoas que vivem em instituições de longa permanência para idosos (ILPI). As principais medidas adotadas pela Secretaria Municipal de Saúde foram aumentar a testagem para diagnosticar o SARS-CoV-2 em idosos com sintomas gripais e visitas para orientar os responsáveis pelas clínicas geriátricas quanto às medidas de prevenção e manejo com relação à COVID-19.

Fonte: https://prefeitura.poa.br/sms/noticias/idosos-sao-monitorados-em-clinicas-geriatricas-para-combater-covid-19