A UFCSPA reforça o apelo das entidades científicas contra o corte de 90% dos recursos que seriam destinados ao Ministério de Ciência e Tecnologia, utilizados principalmente para manutenção do CNPq, reduzindo drasticamente os investimentos em pesquisa científica e o pagamento de bolsas. Em uma decisão do Ministério da Economia, comunicada ontem, 7 de outubro, a Comissão Mista do Orçamento do Congresso Nacional, dos R$ 690 milhões previstos, com o corte, restaram apenas R$ 55 milhões!

Este corte vai contra as necessidades de investimento em pesquisa no país, impactando toda comunidade científica, especialmente universidades e institutos. O prejuízo será incalculável.

Na UFCSPA este corte poderá impactar o desenvolvimento de vários projetos de pesquisa, em especial aqueles submetidos ao edital Universal do CNPq. Nossos pesquisadores, assim como pesquisadores de todo o país, dedicaram tempo para construção de projetos, que correm o sério risco de não terem a oportunidade de serem desenvolvidos, nas mais diversas áreas de atuação, incluindo pesquisas nas áreas de câncer, nutrição, genética, imunologia, toxicologia, entre outras.