O Programa de Educação pelo Trabalho PET-Saúde Interprofissionalidade da UFCSPA está desenvolvendo uma ação diretamente ligada ao enfrentamento da Covid-19 através da integração entre a universidade e a Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre na Gerência Norte Eixo Baltazar. A atividade consiste no telemonitoramento dos usuários com diagnóstico de síndrome respiratória gripal nas unidades de saúde do Distrito Docente Assistencial (DDA) da UFCSPA. Participam da ação alunos de diferentes cursos (Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição e Medicina), docentes e preceptores (profissionais) das unidades de saúde. 
 
Durante o mês de abril foram elaborados os protocolos, o manual de orientação para o telemonitoramento e o sistema de registro de casos. No mês de maio foram iniciados os contatos com os pacientes que serão acompanhados por 14 dias, em um intervalo de até 48 horas entre as ligações. O telemonitoramento busca acompanhar a situação de saúde do paciente com sintomas, com confirmação ou não para COVID-19, e realizar teleorientações aos usuários e seus contatos com as recomendações de cuidados e prevenção de contágio para o período do isolamento domiciliar. 
 
A ação segue as recomendações previstas pelo  Ministério da Saúde que orienta a importância da vigilância ativa e continuada aos usuários com sintomas respiratórios. Esta comunicação é fundamental no enfrentamento da epidemia da COVID-19, pois proporciona a ação rápida dos profissionais de saúde junto a população que possivelmente tenha maior chance de agravamento e necessidade de atenção hospitalar. A integração ensino-serviço-comunidade contribui com a prevenção de novos casos, pela possível redução do contágio, com uma melhor qualidade de vida do paciente durante o isolamento e a identificação de situações
que requeiram uma intervenção da unidade de saúde e/ou de outros serviços. 
 
Texto fornecido pelos autores do projeto